Paróquia Nossa Senhora Mãe da Divina Providência

Pastorais

 
01 - Legião de Maria: É uma associação de leigos católicos, sob a proteção de Nossa Senhora e com aprovação da Igreja, que pela oração e pelo trabalho ativo apostólico, promove a santificação de seus legionários. A Legião tem apenas em vista o bem espiritual e, portanto, não dá auxílio material.
 
02 - Obra do Berço: Grupo de pessoas empenhados em dar assistência espiritual e material para as gestantes envolvidas, valorizando a vida como dom de Deus e promovendo a dignidade da mulher. Particularmente, o grupo de nossa paróquia oferece alguns cursos onde são ensinados as gestantes trabalhos manuais para que elas possam ter algum ganho com o material que confeccionam.
 
03 - Equipe de Liturgia: É uma equipe que tem o cuidado de preparar com carinho as nossas liturgias. Tem como objetivo muito simples: facilitar o encontro da assembléia com Deus e permitir que Deus fale ao povo reunido, em assembléia litúrgica. As equipes de liturgia são fundamentais no dinamismo litúrgico de uma comunidade. Juntamente com o sacerdote, elas são responsáveis pela preparação e execução da Santa Missa.
 
04 - Pastoral de EventosÉ o ponto focal para planejar, organizar e realizar eventos dentro da Paróquia e da Comunidade. Através dela são realizados Shows, Comemorações, Romarias, Procissões, Bingos, etc, sempre focado na divulgação da Boa Nova do Senhor e no amparo às obras realizadas pela e na comunidade.
 
05 - ECC (Encontro de Casais com Cristo) :  É um serviço da Igreja, em favor da Evangelização das famílias onde procura construir o Reino de Deus, aqui e agora, a partir da família, da comunidade paroquial, mostrando pistas para que os casais se reencontrem com eles mesmos, com os filhos, com a comunidade e, principalmente, com Cristo. Para isto, busca compreender o que é "ser Igreja hoje" e de seu compromisso com a dignidade da pessoa humana e com a Justiça Social.
 
06 - EJC (Encontro de Jovens com Cristo):  É o ponto de partida para a formação de uma comunidade de jovens voltada para o exercício de uma vida cristã. É o primeiro anúncio ao jovem de que Jesus Cristo é o Salvador. É o instrumento através do qual o jovem deve adquirir, lentamente, o sentimento de que: A sociedade precisa ser salva.Ele próprio precisa ser salvo. A Fé e a Igreja são os instrumentos dessa salvação. O Cristo e a Doutrina são o caminho para alcançar essa salvação. O EJC tem como motivação única levar Cristo aos jovens, dando a eles oportunidade de verem e sentirem o mundo sob o prisma do amor de Deus.
 
07 - EAC (Encontro de Adolescentes com Cristo): Quer destacar a presença de Cristo, amigo exigente, no coração dos adolescentes, ajudando-os a procurar a santidade, com seus pais e irmãos, dentro de uma Comunidade Cristã. O EAC deve apresentar a presença de Cristo dentro da organização que se cria na Comunidade Paroquial, mostrando que a Igreja é uma grande Família Paroquial, onde todos crescem juntos, para adquirir, pela graça de Deus, o crescimento espiritual e individual, assumindo comportamentos virtuosos de irmãos de Cristo e filhos de Deus.
 
08 - MESC (Ministros Extraordinarios da Sagrada Comunhão): Trata-se de um serviço litúrgico que responde às necessidades objetivas dos fiéis. É destinado sobretudo aos enfermos e às assembleias litúrgicas nas quais são particularmente numerosos os fiéis que desejam receber a sagrada comunhão. São leigos designados pelo seu pároco que, apresentados ao Bispo são investidos por prazo determinado como ministros extraordinários.
 
09 - Acólitos Instituídos:  São homens escolhidos e discernidos pelo pároco, que devem procurar testemunhar o ser cristão, apresentados ao Bispo local  que os institui como Acólitos em celebração própria conforme o cerimonial dos Bispos. Este ministério existe, particularmente, para o serviço do Altar. Expor o Santíssimo e distribuir a Sagrada Comunhão somente quando for necessário. Levar a comunhão aos doentes e distribuí-la aos outros fiéis é função do Ministro Extraordinário da Sagrada Comunhão que recebe a ajuda dos Acólitos Instituídos, caso seja necessário.
 
10 - Coroinhas: Ser coroinha é algo muito importante, pois se presta um serviço à Igreja, ao sacerdote e, principalmente, a Deus. O coroinha ou a coroinha ajudam o padre a celebrar a missa e outras cerimônias da igreja, em toda a sua liturgia.
 
11 - Apostolado da Oração:  É um caminho espiritual que a Igreja propõe a todos os cristãos para os ajudar a ser amigos e apóstolos de Jesus Ressuscitado na vida diária, apaixonados por Ele e interiormente disponíveis para a sua missão. Apresenta-se visivelmente como uma rede mundial de oração ao serviço dos desafios da humanidade e da missão da Igreja, expressos nas intenções mensais de oração do Papa.
 

12 - Terço dos HomensA missão do Terço dos Homens é resgatar para o seio da Igreja de Cristo, homens de todas as idades, pois a presença masculina na Igreja é imprescindível para a formação da família e de uma sociedade cristã. O Terço dos Homens é um exemplo de fé e devoção.  A oração do terço, além de nos conduzir para a oração, leva-nos a meditar sobre os principais mistérios da redenção que Cristo nos oferece.

 
13 - Catecumenato de Iniciação Cristã para jovens e adultos: É o método proposto pela Igreja, desde seu início, para realizar comunitariamente a Iniciação 
Cristã de Adultos. Como a Iniciação Cristã de Adultos é um processo, que se realiza ao longo do tempo, o RITUAL DA INICIAÇÃO CRISTÃ DE ADULTOS (RICA) determina que ela se faça no seio da comunidade dos fiéis, que serve de exemplo e estímulo para os candidatos, bem como, se realize em etapas. No Catecumenato, o jovem e o adulto recebe os sacramentos da Iniciação Cristã, ou seja, o Batismo, a Eucaristia e a Crisma. O Catecumenato é o espaço de tempo, em que os candidatos recebem formação (catequese) e exercitam-se praticamente na vida cristã.
 
14 - Catequese de Iniciação Cristã para crianças: É compreendida como processo de educação permanente da fé em comunidade. A finalidade é levar o catequizando a conhecer, acolher, celebrar e vivenciar o mistério de Deus, manifestado em Jesus Cristo, que nos revela o Pai e nos envia o Espírito Santo. Conduz à entrega do coração a Deus, à comunhão com a Igreja, corpo de Cristo, e à participação em sua missão. (cf. DGC 80-81; Catecismo 426-429). Busca oferecer às crianças uma formação adequada, que possibilite a vivência dos valores evangélicos. Um dos seus objetivos principais é a preparação para celebrarem a Primeira Comunhão Eucarística. No entanto, não é o objetivo único. O processo catequético deve formar crianças para os valores do Evangelho, ajudando-as a viver a partir da interação Fé e Vida. Desse modo, a catequese não pode ser vista como um curso, mas como um processo de educação da fé.
 

15 -  Vicentinos:  Também conhecidos por Conferências de São Vicente de Paulo ou Conferências Vicentinas, é um movimento católico de leigos que se dedica, sob o influxo da justiça e da caridade, à realização de iniciativas destinadas a aliviar o sofrimento do próximo, em particular dos social e economicamente mais desfavorecidos, mediante o trabalho coordenado de seus membros.

 
16 - Pastoral do Dízimo: O primeiro objetivo da Pastoral do Dízimo é ajudar cada cristão a se conscientizar sobre a experiência pessoal com Jesus Cristo e a sua missão como discípulo, missionário, membro da comunidade eclesial. O dízimo manifesta a união da comunidade, é fruto da oração, do trabalho e da vivência litúrgica e catequética.  Os cristãos participam do dízimo porque compreenderam o significado de ser Igreja, comunidade, a serviço da construção do Reino de Deus.
 
17 - Equipe de Comunicação: É o primeiro passo para uma Pastoral da Comunicação sólida. Ela tem o objetivo de sintetizar as informações que são passadas das demais pastorais e serviços da Paróquia e lançar na Web, em site próprio, visando manter cada fiel informado sobre o que está acontecendo, para a edificação da Comunidade.
 
18 - Pastoral do Batismo: O Principal objetivo da Pastoral do Batismo é levar aos pais e padrinhos, o conhecimento do que é o Batismo e o compromisso que através dele se assume com Deus e com a comunidade. Demonstrar que este Sacramento não se resume apenas em batizar. É necessário vivenciar, testemunhar e ensinar filhos e afilhados a serem cristãos autênticos e fiéis seguidores de Jesus Cristo. É formada por cristãos católicos leigos, em apoio aos trabalhos do Vigário da Paróquia.
 
19 - Ministérios de Música: Ministério de Música é essencial e fundamental. É um dos maiores instrumentos da Igreja, responsável por atingir, através do louvor, aquele coração sofrido, cansado, perdido, e resgatá-lo para mais próximo de Deus. O Ministério de Música sempre vai à frente, cada ministro com seu instrumento (violão, teclado, bateria, vozes) como uma arma de guerra, derrubando todos os inimigos, todas as barreiras, que tantas pessoas enfrentam no seu dia-a-dia.Ser Ministério de Música não é só apenas tocar e animar as missas, Deus espera e quer mais, mais de você individualmente, e mais da sua equipe. Devemos estar sempre prontos e preparados, pois cada dia vai ser mais difícil. Agora não basta apenas "tocar ou cantar", devemos "tocar para curar", "tocar para salvar", tocar com as mãos, tocar com o instrumento, com a voz. No Caso das celebrações deve levar o povo a celebrar melhor, sustentando o canto.
 
20 - Pastoral Familiar: É um serviço que se realiza na Igreja e com a Igreja, de forma organizada e planejada por meio de agentes específicos, com metodologia própria, tendo como objetivo apoiar a família a partir da realidade em que se encontra, para que possa existir e viver dignamente, estabelecer relacionamentos e formar as novas gerações conforme o plano de Deus. Abrange todas as famílias, independentemente de sua situação familiar, com o propósito de promover a inclusão e resgatar os valores e a dignidade de cada pessoa. A missão evangelizadora da Pastoral Familiar é a defesa e promoção da pessoa em todas as etapas e circunstâncias da vida e a defesa dos valores cristãos para o matrimônio e os relacionamentos pessoais e familiares. Para isso, é imprescindível promover articulações dentro e fora da Igreja, para defender a vida em todas as suas etapas e dinamizar e orientar ações em favor da família. A Pastoral Familiar possui quatro metas principais: Fazer da família uma comunidade cristã; Fazer com que a família seja santuário da vida; Resgatar para a família seu justo valor de célula primeira e vital da sociedade; Tornar a família missionária e Igreja doméstica.
 
Serviços especificos:
- Cantina: Equipe responsável de abastecer a cantina paroquial, assim como, com suas vendas, arrecadar fundos para quitar as despesas paroquiais.
- Artigos Religiosos: Equipe responsável em adquirir e revender produtos religiosos para evangelização da comunidade paroquial.
 

Pesquisar no site

Contato

Equipe de Comunicação